iDNerd #7 - Parte Final
Vida virtual após a morte!

Hey, iDZeiros! Eu sou o Sucasty e cá estamos para falar através da coluna mais quente deste hotel: iDNerd. Hoje daremos continuidade da última parte de “Vida Virtual após a morte”, e caso você não tenha visto a primeira parte, basta clicar aqui. Então esvaziem a mente, desliguem o celular e vamos que vamos.

Créditos: El País

OBRA IMORTAL

O Facebook, blogs e outros sites dedicados ao luto e a memória estão estendendo a população geral, o que era privilégio de celebridade, grandes autores e memorialistas: a imortalidade conferida pela obra. Dentro da minha compreensão, todos podem ser reconhecidos independente de livros, fama... etc. Basta inspirar outras pessoas, ser reciproco de modo amável, e serão eternos os seus feitos.

“Não procure empatia no mundo virtual. Aqui a hipocrisia prevalece e o sentimentalismo é o que pouco importa.”

 

A RELIGIÃO E O SEU ERRO

O problema é que, a despeito do que digam pastores, metafísicos e livros de autoajuda, a morte não é assunto religioso, metafísico ou psicanalítico, e sim algo tão concreto quanto a vida. (Acreditamos sempre que irei processar uma nova vida, mas não sabemos quando a nossa vida será deteriorada, desintegrada da terra ou do mundo virtual). Todos nós entendemos perfeitamente a morte, desde que seja a morte doso outros. Nossa incapacidade de aceitar a nossa, e de viver tranquilamente até que ela chegue, não é senão uma consequência de como é difícil entender a ideia de não ser.

“No mundo virtual não é diferente: há mortes causadas por religiões, jogos, vícios, e que por sua vez, acabam sendo fragmentos com relação ao isolamento social em massa causada pela internet.”

 

A CLONAGEM NOS TORNA IMORTAIS?

A clonagem nos tornará imortais? Não, pelo amor de Deus. Um clone não é senão um irmão mais velho, só que vive mais tarde.  Então não será possível descarregar a estrutura cerebral de alguém, incluídas todas as suas experiências e lembranças, em algum tipo de suporte físico ou informático? Com certeza, sim, porém o resultado não será você, mas uma coisa que parece com você.

Melhor esquecermos a ideia de sermos imortais. Se cada um de nós deixarmos  uma página de Facebook, não haverá ninguém para lê-las, e  estaremos no abandono familiar, no tédio moral e acima de tudo: tardando a nossa morte virtual. Afinal, quem não está conectado hoje em dia?

Eai, o que acharam desta última parte? Acham mesmo que estamos vivenciando mudanças mortais por causa da tecnologia? Contem-me aqui nos comentários e me falem um tema que vocês querem ver na iDNerd. Até a próxima <3

 

O melhor conteúdo? Só na iDHabblet!

iDHabblet - Jogar Habblet Hotel nunca foi tão divertido!

info_outline
Informações adicionais
Sobre quem escreveu este artigo!
14/04 às 11:21
2
234
new_releases
Outras notícias
Esteja por dentro de tudo!
Fature um novo emblema!
Por Sidnei em 23/08/2019 ás 16:34
Jogue e fature um novo emblema!
Por Sidnei em 23/08/2019 ás 12:20
Confira os visuais e mobílias!
Por Gmatos em 21/08/2019 ás 20:52
Confira e participe!
Por Sidnei em 17/08/2019 ás 15:46
monetization_on
Anúncio
Clique nos anuncios para ajudar a iDHabblet
a se manter online!
question_answer
Comentários
Conheça o que os usuários acharam sobre este artigo!

Obrigado a todos pelo apoio a coluna iDNerd   

Muito legal essa notícia, parabéns! #SempreID

chat
Comentar
Dê-nos a sua opinião sobre este artigo!